botão play OUÇA AO VIVO

notícias

Jundiaí terá Fórum Jovens Rurais em julho

sexta-feira | 13-07-2018

Encontro de 2017 – Foto: Embrapa

EMBRAPA – Estão abertas as inscrições para o Segundo Fórum Jovens Rurais, que acontece em 25 de julho, no Restaurante Recanto Marquezin, em Jundiaí, SP.

O encontro tem o objetivo de aproximar as gerações dos agricultores para discutir sucessão rural e novas ideias, anseios e dificuldades, usando métodos integrativos e dinâmicos, com jovens e seus pais, produtores rurais, estudantes, professores, pesquisadores, técnicos e gestores públicos. A ação é voltada à região do Circuito das Frutas, com ênfase em Jundiaí, SP.

O evento é promovido pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e a Prefeitura de Jundiaí. Conforme a pesquisadora da Embrapa Meio Ambiente  (Jaguariúna, SP) Fagoni Calegario,  uma das coordenadoras do Fórum, “no evento de Atibaia, SP, em 2017, tivemos um total de 52 participantes na faixa etária dos 14 aos 74 anos, oriundos de 12 municípios do estado de São Paulo (Atibaia, Bragança Paulista, Engenheiro Coelho, Indaiatuba, Itatiba, Itupeva, Jarinu, Jundiaí, Piracaia, São Paulo, Valinhos e Várzea Paulista)”.

“A adesão dos jovens foi surpreendente, lembra a pesquisadora. Mais da metade dos participantes (56%) tinha entre 15 e 30 anos, sendo o restante distribuído equilibradamente de 31 a 40 anos (10%), 41 a 50 anos (10%), 51 a 60 anos (10%) e 61 a 70 anos (10%). Nas extremidades, interagiram de forma muito produtiva um estudante de 14 anos e uma professora aposentada de 74 anos.

Os participantes colaboraram nas discussões, onde pais e filhos mostraram seus anseios, preocupações, dores e necessidades. Um dos fatores que motivou a expressão de todos foram as palestras iniciais, algumas muito emocionantes que abordaram a importância dos valores, da família, de aceitar e resolver desafios e da importância de nossas ações para o legado que deixaremos. Até eu me emocionei e me surpreendi com a forma aberta, franca e potente como os assuntos foram abordados, trazendo à tona um assunto que as famílias rurais necessitam discutir. Foram apresentados também casos de sucesso de jovens empreendedores na área rural. Ao final, pais e filhos puderam compreender melhor o ponto de vista de cada um, o que poderá contribuir para trazer soluções para um melhor planejamento da sucessão rural”.

O pesquisador da Embrapa Territorial (Campinas, SP) Ivan André Alvarez aponta a sucessão como um dos gargalos para manter a atividade agrícola, especialmente nas propriedades familiares e muito próximas aos centros urbanos. “A sustentabilidade econômica-social depende da permanência do jovem no campo”, avalia. Para Alvarez, implantar tecnologias que agreguem valor à produção é um dos fatores que podem estimular os filhos de agricultores a seguirem a atividade dos pais.

Programa
8h        Credenciamento e recepção com café da manhã
8h30    Peça teatral “Somos todos José” (Manoel de Matos, Instituto BioSistêmico, Piracicaba, SP)
9h45    Você está comprometido com seus sonhos? (Rômulo Kobori, Conselho Municipal do Desenvolvimento Rural de Atibaia)
10h30    Intervalo
10h45    Agronegócio: uma escolha, não falta de opção (Rodrigo Parise, Irmãos Parise, Jarinu, SP)
11h15    Trabalhar com a família: problema ou solução? (Ariana Sgarioni, Adega Beraldo de Cale, Jundiaí, SP)
11:45     Retornar vale a pena (Matias Vargas, Fazenda Pereiras, Itatiba, SP)
12h        Almoço
13h30    Roda de conversa sobre sucessão rural
13h40    Rodas de conversa entre pais e rodas de conversa entre filhos: o gênio da lâmpada
14h        Apresentação
14h30    Rodas de conversa entre pais e filhos: propondo soluções
14h50    Apresentação
15h20    Intervalo
15h40    Demandas e encaminhamentos
16h        Encerramento

As inscrições gratuitas podem ser feitas até 23 de julho na Prefeitura de Jundiaí, pelos telefones (11) 4589-8581 ou (11) 4589-8872.

Mais informações sobre o tema
Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC)
www.embrapa.br/fale-conosco/sac/

Top Notícias

Cepea

BM&F